Esportes

DENTIL/PRAIA CLUBE ESTÁ NA SEMIFINAL DA SUPERLIGA PELA 5ª VEZ

No último fim de semana, a Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) divulgou a tabela da semifinal da Superliga Banco do Brasil Feminina 20/21 e definiu o Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ), como sede para as semifinais e decisão tanto do gênero feminino quanto masculino.

No ‘QG’ do Voleibol Brasileiro, a equipe Dentil/Praia Clube terá pela frente o tradicional oponente Osasco São Cristóvão Saúde (SP). Os times já fizeram embates históricos nesta fase da competição. Na temporada 16/17, a agremiação da Grande SP levou a melhor na série melhor de cinco, 3 a 0. Na jornada seguinte, o Esquadrão Aurinegro despachou o rival por 3 a 2 em uma série melhor de cinco eletrizante. Na decisão, título para o Dentil/Praia Clube sobre o RJ.

Na atual temporada, o equilíbrio tem prevalecido. Em quatro confrontos, foram dois triunfos para cada lado. O grupo preto-amarelo levou a melhor no Troféu Super Vôlei Banco do Brasil e Copa Brasil Feminina, ambos disputados em Saquarema (RJ). O adversário, por sua vez, saiu vencedor nas partidas da maior competição do voleibol brasileiro.

Nesta sexta (26), às 19h, no CDV, os velhos conhecidos estarão frente a frente mais uma vez. No domingo (28), no mesmo horário, ocorre o Jogo 2 da semi entre eles. Se necessário, o terceiro confronto acontecerá na terça (30), às 16h30. Tudo com transmissão ao vivo do SporTV 2.

Na outra semifinal, mais uma disputa MG x SP. O arquirrival Itambé/Minas encara o Sesi-Bauru, que eliminou o Sesc-Flamengo nas quartas. Os vencedores das semifinais vão decidir o título da Superliga também em uma série melhor de três, programada para os dias 2, 4 e 6 de abril – este último se necessário.

Em entrevista, o técnico Paulo Coco reforçou o equilíbrio dos playoffs no formato bolha e também destacou o dia de descanso entre uma partida e outra da série para manter o nível dos embates. “Não teremos a situação de diferença de ginásio, mando, não tem torcida, aquela coisa toda. Deste modo, isso se tornou uma igualdade entre as agremiações. Foi uma decisão bastante acertada fazer em bolha, ter o espaçamento entre os duelos, que foi um pedido dos clubes até para a qualidade das apresentações. É um lugar que muitas jogadoras já jogaram lá pela Seleção e fizemos as semifinais do Super Vôlei e da Copa Brasil contra o Osasco em Saquarema (RJ). Tende a ter um equilíbrio muito grande nesse confronto”, comentou o comandante praiano.

Fonte: Praia Clube

ASSISTA AS LIVES DO CANAL ALÔ UBERLÂNDIA NO FACEBOOK