Uberlândia

Primeira sessão de 2020 no Legislativo promete muitas polêmicas

Câmara municipal de Uberlândia- MG tem 14 pedidos de cassação de Vereadores protocolados.

Na sexta-feira, 31 de janeiro do corrente ano, o setor de protocolo do Legislativo recebeu mais 12 pedidos de cassação dos vereadores da cidade de Uberlândia.

Os estudantes de Direito Gabriel Santos Miranda e Guilherme Rossi Grossi são os responsáveis pelos pedidos. Eles alegaram que houve quebra de decoro parlamentar por parte dos denunciados, durante as operações Guardião e Má Impressão.

Os14 pedidos de cassação e de mandato contra os vereadores: Ronaldo Alves, Rodi Borges, Hélio Ferraz-Baiano, Pâmela Volp, Vico Queiroz, Ceará, Wender Marques, Silésio Miranda, Doca Mastroiano, Marcio Nobre, Vilmar Resende e Isac Cruz.

Os pedidos deverão ser lidos na Casa, nesta segunda-feira, 03 de fevereiro, por volta das 8h da manhã, na 1ª sessão da Câmara.

A partir daí, saberemos se haverá ou não prosseguimento dos pedidos. Tudo ainda é uma incógnita que somente os vereadores em exercício poderão “bater o martelo”.

Participe do nosso grupo Whatsapp