Uberlândia

Produtores rurais aprendem técnicas de marketing em capacitação

Curso aconteceu hoje (7) e foi promovido pela Secretaria de Agropecuária, Abastecimento e Distritos

Como melhorar a divulgação dos produtos? O que posso fazer para aprimorar as estratégias de gerenciamento? Essas foram algumas das dúvidas que os produtores rurais que participam da Feira Agroecológica puderam solucionar na manhã de hoje (7). Eles receberam um treinamento sobre marketing e apresentação pessoal, promovido pela Secretaria Municipal de Agropecuária, Abastecimento e Distritos (SMAAD), em parceria com a Universidade UNA.

Catarina França, produtora rural há nove anos, participou de todas as edições da feira e aproveitou cada minuto da capacitação. “Hoje entendi a importância de fazer uma boa apresentação e divulgação do produto, porque isso influencia diretamente no lucro. É uma oportunidade muito boa e temos que participar de tudo que pode melhorar o nosso trabalho”, destacou.

Para o professor Túlio Almeida, encontros como esse podem ajudar os produtores a alavancar os negócios. “Nós, enquanto pesquisadores da área de marketing, buscamos sempre soluções para aprimorar a qualidade, o atendimento e o produto para atender os desejos de consumidor e também para deixar o trabalho deles com mais sustentabilidade”, destacou.

A Feira Agroecológica acontece todas as terças-feiras no Quiosque Multiuso do Parque do Sabiá e é mais uma ação prática desenvolvida pelo Programa de Desenvolvimento de Novos Negócios Rurais, o Novo Agro. “Esta iniciativa prevê o fomento e a comercialização das mercadorias dos produtores rurais e nós procuramos sempre incentivar a atuação deles junto à Secretaria. Estamos em trabalho permanente, sempre acompanhando, apoiando e fiscalizando os produtos”, explicou André França, diretor de agropecuária do município,

Novo Agro

Lançado em novembro do ano passado pelo prefeito Odelmo Leão, o programa Novo Agro vai além da agroecologia, com estímulo à economia rural em outros quatro pilares principais: agroindústria de pequeno porte, piscicultura, turismo rural e gastronomia. Desde então, a gestão municipal executou inúmeras ações concretas, como a publicação de novas leis, eventos, cursos, capacitações dentre outras iniciativas de fomento. Ao todo, dez entidades e órgãos são parceiros do poder público no desenvolvimento das diretrizes.

Fontes:

Secom PMU