Uberlândia

Com apoio da Prefeitura, atividades do Profesp/Pelotão Esperança começam nesta segunda (8)

Neste ano, iniciativa atenderá 200 alunos, de 9 a 12 anos, com aulas de atletismo, futebol, vôlei, handebol e natação

Começam nesta segunda-feira (8) as atividades do Programa Força no Esporte (Profesp/Pelotão Esperança), desenvolvido pelo 36º Batalhão de Infantaria Mecanizada (36º BIMec) em parceria com a Prefeitura de Uberlândia, por meio da Fundação Uberlandense do Turismo, Esporte e Lazer (Futel), e o Praia Clube. Neste ano, a iniciativa atenderá 200 alunos, de 9 a 12 anos, com aulas de atletismo, futebol, vôlei, handebol e natação oferecidas gratuitamente de segunda a quinta-feira, em dois períodos (manhã e tarde) no próprio batalhão.

A iniciativa é voltada a crianças em situação de vulnerabilidade social, que são selecionadas por quatro escolas municipais (Freitas Azevedo, Professora Maria Regina Arantes Lemes, Professora Josiany França e Dr. Gladsen Guerra de Rezende) e pela Escola Estadual Marechal Castelo Branco.

“Esse ano, o projeto tem algumas novidades, como a ampliação do número de crianças atendidas (que passou de 120 para 200) e a implantação de uma nova modalidade, que é a natação”, informa uma das professoras do Profesp/Pelotão Esperança, a profissional de educação física da Futel, Márcia Barboza.

O diretor-geral da Futel, Edson Zanatta, destaca a importância da iniciativa. “O Profesp/Pelotão Esperança é uma parceria de sucesso e tem alcançado importantes resultados ao longo dos anos. Para isso, utiliza o esporte para alcançar os objetivos do programa, em especial desenvolver valores sociais e cidadania, reduzir a exposição aos riscos sociais, revelar talentos e desenvolver a capacidade física e a habilidade motora”, completou.

Secom- PMU