Segurança pública

Mais um criminoso da lista dos mais procurados de Minas é preso

Wesley Militão foi detido em Cabo Frio (RJ); ele é o quinto alvo encontrado da atual edição do programa Procura-se, lançada há um mês

Mais um criminoso da lista dos mais procurados de Minas Gerais foi preso. Wesley Militão da Silva, conhecido como Wesclim, foi encontrado na noite desta sexta-feira (22/9), em Cabo Frio, no Rio de Janeiro. Em um mês de lançamento da atual edição do programa Procura-se, cinco dos 12 alvos divulgados já foram encontrados.

O criminoso, de 26 anos, foi encontrado durante uma operação policial realizada por agentes de Inteligência da Polícia Militar de Minas Gerais, com apoio de policiais militares do Rio de Janeiro (Grupo de Ações Táticas e Inteligência do 25º BPM). A operação foi realizada na comunidade Rainha da Sucata, controlada pelo Comando Vermelho (CV). Levantamentos realizados durante alguns meses pelo Núcleo de Operações Especiais de Inteligência, da Diretoria de Inteligência da Polícia Militar, com auxílio de informações da Agência Regional de Juiz de Fora e parceria do Ministério Público de Minas Gerais, possibilitaram o êxito da operação.

Wesley Militão é considerado um dos maiores traficantes de drogas do Estado, líder de organização criminosa atuante em Juiz de Fora, na Zona da Mata, com ramificações no estado do Rio de Janeiro. Ele era procurado por homicídio e roubo majorado, com condenação superior a 13 anos de prisão e quatro mandados em aberto por homicídio, porte ilegal de arma de fogo, dentre outros crimes violentos.

No último final de semana, outros dois alvos do Procura-se foram encontrados: Gilcimar da Silva, localizado em São Paulo, e Felipe Augusto Rodrigues Silva, também no Rio de Janeiro.

O Procura-se é coordenado pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), em parceria com a Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Penal, Sistema Socioeducativo, Ministério Público e Tribunal de Justiça de Minas Gerais, e tem como objetivo realizar a prisão de indivíduos foragidos da Justiça, a partir de ações qualificadas das polícias, das Agências de Inteligência e da participação do cidadão, por meio de denúncias ao Disque Denúncia Unificado 181.

Para saber mais sobre os alvos, acesse: http://procurase.seguranca.mg.gov.br/

Fonte: SEJUSP – Assessoria de Comunicação