Notícias sobre Esportes

Dentil/Praia Clube está na final da Superliga pela terceira vez na história

A Arena Praia foi palco de mais um capítulo memorável na trajetória do Dentil/Praia Clube na noite desta segunda-feira, 8 de abril de 2019. Em casa e com o apoio da frenética torcida, o grupo comandado pelo técnico Paulo Coco derrotou o Sesi Vôlei Bauru (SP) por 3 sets a 0 (parciais de 25/18, 25/21 e 25/14), fechou a série das semifinais em 2 a 0 e garantiu vaga na final da maior competição de voleibol do país pela terceira vez na história!

A ponteira Fernanda Garay foi a maior pontuadora da equipe, com 16 acertos durante o duelo, que durou 1h28. A central Carol, por sua vez, foi eleita a melhor em quadra pela torcida e levou para casa o Troféu VivaVôlei CIMED. Para ela, a alegria de conquistar uma vaga na final do torneio é singular. “Acredito que nossa vitória veio, principalmente, de estudo. Conseguimos aplicar os ensinamentos dentro de quadra e neutralizar as melhores jogadoras do Bauru. Conseguimos imprimir um bom ritmo de saque, o que dificultou um pouco para a Fabíola, que é uma grande levantadora e está de parabéns. Estou muito feliz pela evolução do nosso elenco não só tecnicamente, mas também como grupo. Cada jogadora nossa sabe do seu potencial e sabíamos que precisávamos de tempo para colocar isso tudo dentro de quadra, esse entrosamento. Realmente é o que faz ganhar jogos e títulos. Tivemos paciência! Foram muitas partidas, treinos, viagens e nosso time está de parabéns, pois conseguimos encontrar essa essência no tempo certo. Agora, levaremos isso para a grande decisão!”, comentou.

A jogadora agradeceu, ainda, a torcida. “Ficamos felizes com a presença da torcida não só nesse jogo, mas em todos os embates. O que pude perceber é que Uberlândia ama o vôlei e o ginásio fica lotado e barulhento. Estou muito feliz em estar aqui e em poder disputar essa final pelo Dentil/Praia Clube. Trabalharei bastante para a gente manter esse título”, finalizou a camisa 15.

Para o comandante praiano, o sentimento é de gratidão por estar pela segunda vez consecutiva em uma final da Superliga com o plantel do Dentil/Praia Clube. “O time ganhou um padrão. Está errando bem menos nas situações ofensivas, principalmente o sistema de recepção, e está mais equilibrado. Evoluímos nessa reta final, mas sabemos que ainda tem muita coisa para acontecer. É só mais um passo alcançado, mais uma etapa concluída. Agora, é descansar e nos preparar para a final, que sabemos que não será fácil. Acredito que chegamos até aqui por uma série de fatores. Primeiramente, agradeço ao Clube pelo apoio e incentivo que tem nos dado por meio de sua Diretoria e todos os envolvidos na parte administrativa e na quadra. É fundamental esse suporte. Depois, os patrocinadores, que nos dão tranquilidade e estão ao nosso lado mesmo nas dificuldades. Nessa temporada, o entrosamento foi difícil devido ao calendário. Sabíamos disso, mas persistimos. É uma grande característica dessa equipe, essa luta em melhorar, em poder evoluir, em ganhar padrão de jogo. Mesmo em derrotas, sentimos que os patrocinadores eles estão ao nosso lado. Por último, a cidade de Uberlândia, com essa torcida fantástica, fãs, torcedores e imprensa. Sentimos o vôlei sendo respirado pela cidade. Enfim, essa atmosfera que envolve o time contribui para tudo isso”, argumentou.

A trajetória até a final do maior torneio de voleibol do país foi longa. O jogo de estreia do Dentil/Praia Clube na temporada 2018/2019 foi no dia 16 de novembro de 2018, contra o Balneário Camboriú (SC). De lá pra cá, foram 26 partidas disputadas, sendo 22 na fase classificatória, duas nas quartas de final e duas na semifinal. Ao todo, o grupo somou 23 vitórias (sendo 15 por 3 sets a 0) e apenas 3 derrotas. Outros números que impressionam foram o total de 72 sets vencidos e 2.208 pontos marcados até então.

O adversário das praianas na decisão do torneio será o vencedor da série melhor de três jogos entre Itambé/Minas (MG) e Osasco-Audax (SP). A fase final da Superliga também será decidida em uma série melhor de três jogos, ainda sem datas definidas pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV).

-> Terceira Vez na História

O Dentil/Praia Clube disputará a final da Superliga Feminina pela terceira vez na história. A primeira vez que chegou à decisão do torneio foi na temporada 2015/2016, ante o time do Rio de Janeiro. Na oportunidade, as praianas foram superadas pelas cariocas, em Brasília (DF).

Já na temporada 2017/2018, as equipes de Uberlândia e Rio de Janeiro se reencontraram na final de mais uma edição do torneio. Dessa vez jogando em casa, o Dentil/Praia Clube saiu vitorioso ante o Sesc-Rj, após vencer o Golden Set.

Ao contrário da temporada passada, na qual os oponentes se enfrentaram após dois confrontos e, caso necessário, o Golden Set, na atual temporada o vencedor será conhecido após uma série melhor de três.

Crédito fotos: Divulgação Praia Clube

Participe do nosso grupo Whatsapp