Notícias de Minas Gerais

Segurança Pública receberá mais de R$ 2 milhões em bens pela Força Nacional

Mais de 93 tipos de bens, como veículos, armas e munições, chegam ao Estado até o início da próxima semana para contribuir com trabalho da PM

Os mineiros terão sua segurança reforçada, pois o estado, que já apresenta redução na criminalidade, vai receber R$ 2,1 milhões em bens doados pela Força Nacional de Segurança Pública (FNSP). O secretário adjunto de Segurança Pública de Minas Gerais, Alexandre Leão, esteve presente na solenidade para oficialização do repasse de equipamentos, em Brasília, nesta semana. O evento contou com a participação do vice-presidente da República, General Hamilton Mourão, e do ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sergio Moro.

“O alinhamento com a política nacional é importante, e inclui essa troca e compartilhamento de conhecimentos, materiais e expertises. As forças de segurança de Minas Gerais estão dispostas a ajudar no que for preciso e estes materiais irão contribuir com o trabalho da Polícia Militar no estado” destaca o adjunto da Secretaria de Segurança Pública, Alexandre Leão.

Entre os 93 tipos diferentes de bens doados ao Estado – que somam 25 mil unidades – estão cinco pick-ups, dois micro-ônibus, munições de diversos calibres e armas (espingardas, pistolas e fuzis). Minas também receberá equipamentos de proteção individual como escudos, bastões, capacetes, coturnos, coldres, luvas táticas, cotoveleiras, joelheiras, sacos de dormir, cintos, mochilas, binóculos e GPS. Só em coletes balísticos, serão recebidas 79 unidades. Os materiais devem chegar até o início da próxima semana.

A doação ocorre por meio de Convênio de Cooperação Federativa, pelo qual os Estados cedem servidores dos órgãos de Segurança Pública para atividades no governo federal, principalmente na Força Nacional, e recebem equipamentos de contrapartida. Atualmente há 28 servidores das Forças de Segurança de Minas cedidos à União (15 policiais militares, 10 policiais civis e três bombeiros).

O objetivo da iniciativa, segundo o Ministério da Justiça e da Segurança Pública, é dar transparência à gestão dos bens públicos que podem ser doados, em especial, os materiais sob a guarda e conservação da Força Nacional, que estão em depósito.

O assessor institucional da Polícia Militar na Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública, tenente coronel Eugênio Valadares, reitera a importância dos itens recebidos para a Polícia Militar e afirma que “os equipamentos vão somar nas atividades operacionais preventivas e repressivas, potencializando o desempenho da PM”.

Ajuda humanitária em Moçambique

Um importante exemplo do apoio de Minas ao governo federal aconteceu recentemente, após a passagem de ciclones em Moçambique, em março e abril deste ano. Mais de 20 bombeiros militares, que trabalharam no resgate de vítimas do rompimento da barragem de Brumadinho, se juntaram a um grupo de outros 20 bombeiros da equipe de busca e salvamentos da Força Nacional de Segurança Pública, para atuar no resgate às vítimas dos ciclones que atingiram a região africana, deixando centenas de mortos e milhares de desabrigados.

A experiência dos bombeiros mineiros em ações de Defesa Civil foi o grande diferencial na missão para diminuir os efeitos do impacto secundário no pós-tragédia em Moçambique.

Fonte: SEGOV – Governo de Minas – Central de Imprensa

Participe do nosso grupo Whatsapp