Minas Gerais

Governo de Minas avança na capacitação de municípios para realização de coleta seletiva

A Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam), em parceria com o Instituto de Gestão de Políticas Sociais (Gesois), finaliza nesta última semana de junho a fase de apresentação do Diagnóstico, dentro do processo de capacitação dos municípios que manifestaram interesse em receber apoio técnico para implantação ou ampliação de seu Programa de Coleta Seletiva.

Os municípios participantes foram definidos a partir de edital publicado em janeiro deste ano, no qual foram definidas as condições de participação no processo seletivo conduzido pelo Governo do Estado. No total, 19 municípios foram selecionados para participar do projeto.

Serão realizadas, ao longo desta semana, nos seis últimos municípios que integram o projeto, seminários de apresentação do diagnóstico de Coleta Seletiva, desenvolvido pelo Instituto Gesois.

A coordenadora geral do Instituto Gesois, Vera Lanza, explica que os seminários têm o objetivo de apresentar aos municípios o diagnóstico desenvolvido para implantação do Programa de Coleta Seletiva. “A equipe do Instituto Gesois apresenta o diagnóstico e na oportunidade são discutidas as propostas para o melhor formato de coleta em cada município. Essas ações serão realizadas nos próximos meses e seguirão até maio de 2020, quando todos os municípios participantes deverão ter implementado as ações propostas”, ressaltou.

Cronograma

Durante o mês de junho, serão realizados Seminários de Apresentação do Diagnóstico da Coleta Seletiva em seis municípios participantes. São eles: Itanhandu, Governador Valadares, Sobrália, Arinos, Sacramento e Campo Florido.

Confira abaixo o detalhamento de cada evento:

Fonte: ASCOM MEIO AMBIENTE