Artigos

Páscoa e Dia das Mães aquecem o comércio com perspectivas de contratações temporárias

O mercado de trabalho formal para o ano de 2024 promete um cenário otimista, conforme indicado pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). A expectativa é de um aumento no saldo de vagas, especialmente durante períodos sazonais como Páscoa e Dia das Mães, que impulsionam contratações temporárias. Essas oportunidades abrangem uma variedade de funções, desde vendas e atendimento ao cliente até logística e produção, com muitas empresas ampliando suas equipes para lidar com o aumento de demanda e garantir uma experiência positiva aos consumidores durante essas celebrações.

Aproveitar as oportunidades de emprego temporário é uma excelente estratégia para diversos perfis de profissionais. Essas vagas são ideais para quem busca o primeiro emprego, deseja se reposicionar no mercado de trabalho ou está atualmente desempregado, representando uma chance de uma possível efetivação após o período determinado. Isso porque os profissionais de RH valorizam processos seletivos práticos e eficientes, muitas vezes utilizando-os também como forma de construir um banco de talentos e observar os candidatos para contratações permanentes no futuro.

Glaucus Botinha, sócio-diretor da Selpe Gente e Gestão, destaca que o trabalho temporário oferece uma oportunidade valiosa para avaliar o desempenho e a adaptação dos profissionais antes da efetivação. “Isso ajuda a garantir que o candidato esteja alinhado com a cultura da empresa. Além disso, setores suscetíveis a demandas sazonais ou picos de trabalho, como o Varejo e o Turismo, podem se beneficiar significativamente desse modelo de contrato para lidar com o aumento de demandas sazonais e ainda manter um banco de talentos estratégico para contratações em períodos de necessidade.”

O diretor também destaca que, para os trabalhadores, a contratação temporária pode representar uma oportunidade valiosa para adquirir experiência, aumentar a renda e abrir portas para novos trabalhos. Além disso, muitas empresas oferecem treinamento e desenvolvimento profissional aos seus trabalhadores temporários, o que pode ser benéfico para o crescimento pessoal e profissional no longo prazo.

Com a proximidade da Páscoa e do Dia das Mães, períodos em que a demanda por contratações temporárias se intensifica, as empresas também devem estar atentas à Lei 6.019. Essa norma assegura ao trabalhador importantes direitos fundamentais em um contrato de trabalho formal, incluindo a proteção do INSS e os benefícios estabelecidos na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

“O trabalhador temporário tem todos os direitos estabelecidos na legislação, como remuneração equivalente, jornada de trabalho, pagamento por horas extras, férias proporcionais, repouso semanal remunerado e proteção previdenciária. Além disso, quando o profissional é contratado por agências, a agência de trabalho temporário deve registrar a condição de trabalho temporário na Carteira de Trabalho e Previdência Social do empregado.”, esclarece Glaucus para aqueles que estão em busca de emprego em meio aos próximos grandes feriados.

Sobre a Selpe Gente e Gestão

A Selpe é uma consultoria com divisões especializadas em todo o ciclo de Gente e Gestão. Com abrangência nacional, 58 anos de mercado e escritórios em São Paulo, Minas Gerais e Nordeste, a empresa oferece soluções estratégicas e tecnologias em executive search para posições estratégicas e de liderança nas organizações; em atração, seleção, desenvolvimento de líderes e equipes; e em projetos de gestão personalizados. Além disso, atua no planejamento e execução de programas de trainee e estágio e na contratação de trabalho temporário e terceirização para empresas de todos os segmentos de negócio.

Redação GA Comunicação